sexta-feira, 10 de julho de 2009

Cada um no seu quadrado.

Será que não tem nada nesta vida que não envolva burocracia? Mesmo ficando em casa, quietinha, trabalhando silenciosa e bolivianamente no computador, a burocracia aparece. Via telefone, via correio, via fax. Eu bem sei que grande parte da população seria infeliz (por não ter a quem sacanear) e desempregada (por não ter a quem usurpar) não fosse a burocracia nossa de cada dia. Mas como eu estou pouco me lixando pra felicidade e pro bolso da rapaziada, só queria ficar bem longe disso, quieta e imune nos meus metros quadrados. Se alguém souber de um país onde um cidadão que trabalha e paga seus impostos em dia possa ter um mínimo de sossego, por favor, me informe. Faço a mudança sem pensar duas vezes.