terça-feira, 27 de outubro de 2009

Dois voando?


Considero um problema sério você não ter opções na vida, e ter simplesmente de aceitar o que aparecer em sua frente. Mas considero igualmente preocupante ter uma série de opções. No meu caso, pelo simples fato de eu ter a sensação de que, na maioria das vezes, faço as piores escolhas. Se estou numa rua cheia de barzinhos, acabo sempre entrando naquele onde a porção de pastéis vem queimada ou onde os garçons parecem não existir; se quero comprar um livro desconhecido, acabo escolhendo alguma coisa que em condições intelectuais normais eu não leria nem sob tortura; se estou perdida de madrugada e tenho 6 possíveis ruas que me levem ao destino que procuro, acabo entrando em alguma que me conduz pro extremo oposto de onde quero ir, e por aí vai. Então, estou num momento assim, mais uma vez. E não em relação a um fator da vida, mas a dois. O que significa que posso entrar em uma terceira modalidade de problemas sérios, na qual acabo sempre caindo por pensar demais quando tenho mais de uma boa opção pela frente: ver dois pássaros voando.